Está procurando alguma editora ou artista em específico? Digita o nome na caixa de busca!

R$30,00

Descrição

Matrioska (Gabriel Jardim)

Editora: independente
Acabamento: capa cartonada com orelhas
Cor do miolo: preto
Formato: 15 x 21 cm
Páginas: 88
Edição:
Ano: 2017
Idioma: Português
País de Origem: Brasil
Classificação: 18 anos
Categorias: quadrinhos

Contracapa:

Para muitos, as definições de êxito e sucesso em uma sociedade de consumo encontram-se atrelados ao status, fama, poder, bens e dinheiro.

Pecados são convertidos em virtudes. Orgulho e inveja são bem vistos e considerados como qualidade que devem ser cultivados em cada indivíduo. Falamos que possuímos "inveja branca" e o orgulho transforma-se em autoestima. Buscamos a autoafirmação com o intuito de conseguirmos nos olhar no espelho e visualizarmos o semblante da vitória.

Entretanto, a busca pelo sucesso sempre tem seu preço. Para alguns é altor e para outros, baixo. Todavia, as relações e expectativa versus realidade possuem medidas diferentes na balança. É neste momento que me recordo do conto "O que a vida significa pra mim", de Jack London, no qual o escritor norte-americano relata sua infância e juventude de pobreza e desesperança. Diante desta realidade, ele alimentava o desejo de alcançar a ascenção social por acreditar que lá no alto encontraria o melhor da sociedade. Porém, ao conseguir tal feito, encontra um cenário de hipocrisia e desonestidade de homens e mulheres que exaltavam os direitos sociais e trabalhistas, mas que praticavam o inverso das suas declarações em seu cotidiano.

Por outro lado, Olga, personagem central deste novo trabalho do quadrinista Gabriel Jardim, é repleta de dilemas éticos e morais. Sua origem não provém das camadas menos favorecidas, mas seu desejo e frustração em relação a sua carreira - que não alcança reconhecimento - fazem brotar em seu coração sentimentos de repulsa aos trabalhos dos demais artistas. O sucesso a qualquer preço é alguém que bate com força na porta de sua consciência. Ela almeja fazer parte do Olimpo e cravar seu nome na calçada da fama, mas a que custo? Fazem-nos refletir sob nossa própria condição e até onde a luz da fama pode nos conduzir a um caminho sem volta.

Manassés Filho (administrador da gibiteria Comic House)